Novos ônibus circulam em Salvador a partir desta quinta

0
481

Novos ônibus, frota mais moderna, tarifa mais cara, aplicativo informando tempo de espera por veículos, recuperação dos pontos e união das 19 empresas em três consórcios. Com estas e outras mudanças anunciadas pela prefeitura, o ano de 2015 promete uma série de novidades para os usuários do transporte coletivo de Salvador.

A primeira alteração será no primeiro dia do ano, quando 300 novos ônibus começam a circular na cidade. Eles foram entregues nesta segunda-feira, 29, pelo prefeito ACM Neto, na Arena Fonte Nova. Segundo o gestor, até 31 de janeiro, mais 400 veículos entram em operação.

image

A segunda mudança, por sua vez, vai afetar o bolso dos usuários. Sexta-feira, entra em vigor a nova tarifa de R$ 3, acréscimo de R$ 0,20 em comparação com o atual valor – aumento de 7,14%, acima da inflação acumulada nos últimos 12 meses (6,46%).

Já o aplicativo SIU Mobile SSA irá oferecer informações sobre o itinerário dos veículos. Com ele, os passageiros poderão saber, por exemplo, dentro de quanto tempo o ônibus passará no ponto em que estão (leia mais abaixo).
Tecnologia
Conforme o secretário municipal de Urbanismo e Transporte, Fábio Mota, a inclusão de novos veículos não representa aumento da frota da capital. Com o fim da empresa Barramar, o sistema perdeu cerca de 300 ônibus.

Os outros 400 veículos novos substituirão parte da frota atual, cujos ônibus possuem tempo médio de uso de 8,5 anos e é uma das mais antigas do País. O secretário ressalta que, com a operação desses 700, Salvador terá uma frota de 3,5 anos “e será a mais moderna entre as capitais brasileiras”.

Além disso, os novos veículos têm motor Euro 5 – cujo índice de poluição é 70% menor em relação aos mais antigos -, ventilação forçada e acessibilidade para pessoas com deficiência. Para Mota, uma das principais contribuições é que todos terão GPS. “Vai facilitar também para o usuário, que poderá planejar melhor as viagens”, destaca.

Para isso, totens com informações sobre o itinerário das linhas estão sendo instalados na cidade. Até agora, já foram implantados três: no último ponto da Av. Bonocô, sentido Iguatemi; Rio Vermelho, em frente ao Mercado do Peixe; e avenida Paralela, próximo à Advocacia Geral da União.

Mais oito estão sendo instalados em outros locais da cidade. A previsão é que, em um prazo de 12 meses, “a maioria” dos pontos conte com totens de informação.

Segurança
No mesmo prazo, todos os ônibus devem ser adaptados para acesso pela porta dianteira. Os novos já chegam assim. Segundo Mota, para não confundir usuários, a linha que tiver novos veículos será toda operada por eles. A medida visa maior segurança.

“Nas cidades onde acontece isso, dados mostram que o fato de cobrador e motorista estarem próximos diminui bastante o número de assaltos. É mais segurança para o passageiro, que tem uma visão mais ampla da via onde ele está descendo”, ressalta.

ACM Neto salienta que o novo contrato com consórcios possibilitará maior controle sobre o sistema: “Não há mais dúvida sobre quais os deveres dos concessionários e os direitos da prefeitura, o que podemos exigir e os parâmetros de exigência da prestação de serviço”.

Outra mudança é a renovação dos pontos. Segundo Neto 150 novos abrigos já foram instalados e a meta é implantar 150 a cada seis meses. Além disso, nos finais de linha haverá módulos de conforto para rodoviários.

Fonte – Atarde